Saiba como fazer um plano de negócio para sua empresa

Abrir um negócio próprio e visar se tornar um empreendedor de sucesso requer muitos passos a serem seguidos. Quando falamos de uma nova empresa, existe basicamente uma espécie de cartilha a ser respeitada em cada detalhe para que não haja nenhum problema futuro para você, sua empresa e, eventualmente, seu sócio e quadro de funcionários.

É muito comum vermos jovens empreendedores abrir uma empresa por mero impulso, indo somente pelo “feeling” e se inspirando em amigos ou conhecidos que conseguiram alavancar seu negócio em pouco tempo. Inevitavelmente, ao se ver numa situação em que empresas ao seu redor conseguem uma certa relevância no mercado, o empreendedor coloca para fora do papel as suas ideias.

Mas é muito importante trocar experiências e colocar, dentro de um planejamento, o que deve ser feito para que o seu novo negócio prospere e se torne rentável em curto/médio prazo.

Ah, e essa questão é ainda mais essencial pelo fato de muitas pessoas desistirem rapidamente da nova empresa por ela não ter gerado o lucro esperado em tão pouco tempo. Calma, vamos falar de um tópico fundamental para você não ter surpresas e decepções.

Plano de Negócio

Na tal cartilha que falamos acima, um item extremamente importante na hora de abrir a sua empresa é ter em mãos um plano de negócio bem estruturado, com previsões de lucros e gastos pelos próximos meses.

“Ah, mas não tem como prever o valor exato”. Sim, nós sabemos. O plano de negócio tem o objetivo de ter uma aproximação com a realidade para que você se planeje bem e com antecedência para o futuro.

Um exemplo? Você, empregador, sabe como é difícil o começo e o fim do ano, por conta dos pagamentos extras a funcionários e tributos a serem acertados com o fisco. Isso tudo já deve estar no plano de negócio meses antes para que sua empresa não feche um mês no vermelho, comprometendo todo o planejamento anual.

Crescimento

O Plano de Negócio serve praticamente como um guia, fazendo com que você possa estabelecer metas visando especificamente o crescimento e alavancamento da sua empresa na região de atuação, tornando-a referência em determinado espaço de tempo.

Dentro do plano, deve haver um tópico bem estruturado sobre pesquisas de mercado. Essa pesquisa permite você usar o momento do mercado como ferramenta informativa para o seu plano de marketing, por exemplo. Isso é: detectar carências na sua área e utilizá-las ao seu favor como um diferencial do seu negócio.

Vou lembrar de tudo?

Quem se arrisca no mercado do empreendedorismo pela primeira vez tem o grave engano de deixar de lado o Plano de Negócio, acreditando que poderá guardar na cabeça tudo aquilo que não se pode esquecer. Errado!

Além de tudo, o Plano de Negócio serve para você apresentar a sua empresa para angariar possíveis investimentos que possam fazer o seu negócio crescer rapidamente. Uma empresa sem plano de negócio é vista como “aventureira” por investidores do mercado. Pense sempre nisso!

Estabeleça metas

É muito comum vermos empresas com uma determinada razão social desviando o foco do seu negócio e, consequentemente, oferecendo uma prestação de serviços que vai além do planejado.

Isso pode ser analisado dentro daquela história do copo meio cheio e meio vazio. Se por um lado você estará aumento seu leque de atuação, por outro você está praticamente abrindo mão de ser um diferencial no mercado de trabalho, se tornando uma empresa “mais do mesmo”.

Investidores procuram o diferente!

Médio e longo prazo

Falamos muito dos tiros curtos nesse artigo. Isso é, quando o empreendedor pensa apenas na atuação e crescimento da empresa num curto espaço de tempo. Porém, o Plano de Negócio é importante para que você se planeje para os próximos meses e anos.

O crescimento de uma empresa, salvo raríssimas exceções, não vem da noite para o dia. Tendo um grande diferencial no mercado, o planejamento para crescer em médio/longo prazo pode ser um plus para que o seu negócio bombe de vez na sua cidade ou região.

É por isso que o Plano de Negócio precisa ser bem seguido sempre, pois é neste documento que você terá as informações devidamente organizadas, auxiliando os gestores a se movimentarem com antecedência.

Contabilidade

O setor contábil da sua empresa ou o seu representante da área é um dos mais interessados no seu Plano de Negócio. É por ele que o profissional contábil poderá planejar, junto ao corpo diretor da empresa, os gastos e investimentos pelos próximos meses, levando em consideração toda a tributação obrigatória, como falamos no início do texto.

A contabilidade da sua empresa deve estar sempre alinhada com o planejamento que há dentro do Plano de Negócios para que as contas fechem sempre no azul, mantendo a saúde financeira e o fluxo de caixa do negócio sempre ativos e favoráveis.

Ajuda com sua empresa?

A Makrosystem ajuda diariamente contadores do norte ao sul do Brasil com um sistema de gestão contábil e tributário completo e online. Você vai poder ficar sempre conectado com as mudanças da legislação com um sistema web ideal para sua empresa. Quer saber mais? Acesse o nosso site e converse com um de nossos especialistas!

About Makrosystem

Com mais de 24 anos de história, a Makrosystem é especializada no desenvolvimento de sistema contábil para empresas e escritórios de contabilidade. Através de tecnologia de ponta, leva a seus clientes soluções inteligentes, que facilitam o trabalho e aumentam a produtividade em rotinas contábeis. Visite o nosso site e saiba mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *